Acessoline Telecon - Entenda a tecnologia do DirectX 12
Menu

Nossas Unidades

Entenda a tecnologia do DirectX 12

 

O DirectX 12 é um componente crucial do Windows 10 que começa a se popularizar entre desenvolvedores de jogos e gamers. Isso significa que cada vez mais lançamentos estão tirando proveito da API da Microsoft, que promete acesso praticamente irrestrito ao hardware do PC para rodar games de forma muito mais eficiente.

 

O que é o DirectX?

O DirectX trata-se de uma plataforma (chamada também de API) criada pela Microsoft no fim dos anos 90 para dar aos desenvolvedores de games uma estrutura que permita que seus jogos se comuniquem de forma mais direta com o hardware do PC. Basicamente, é uma estrutura criada para ajudar os computadores a atingirem melhor performance na hora de rodar jogos, seguindo o modelo dos consoles em que todo o hardware está disponível para o game praticamente o tempo todo.

 

Por que preciso do DirectX 12?

Cada nova versão do DirectX promove melhorias na plataforma, dando aos desenvolvedores maior margem de manobra para extrair melhor performance dos computadores em que seus títulos serão reproduzidos.
Para quem gosta de um detalhe técnico, o grande destaque do DirectX 12 é a promessa de que a estrutura permite que desenvolvedores tenham acesso a todos os núcleos de uma placa de vídeo de uma vez só. O DirectX 11, por exemplo, rodava tudo em um núcleo só, deixando o restante em estado de espera.
Essa característica permite que o desenvolvedor atribua tarefas genéricas para uma multidão de núcleos da GPU, liberando a CPU durante a reprodução de um jogo. Com o processador livre de trabalho, há uma redução na possibilidade de algum problema de performance, já que a CPU fica livre para fazer o que faz de melhor: rodar o sistema operacional no fundo, enquanto a GPU se dedica completamente ao game. Em resumo bastante didático, essa é a chave do DirectX 12: acesso quase irrestrito a toda a performance da placa de vídeo.

 

Quais placas de vídeo funcionam com DirectX 12?

Em relação a NVIDIA, praticamente todas as placas de vídeo a partir da geração Geforce 400, lançadas em 2010, incluindo as versões para notebooks desses chips, já funcionam com DirectX 12. No caso da AMD, todas as placas gráficas das séries Radeon R7, R9 e RX, mais a R5 240. Em notebooks, as placas suportadas são as Radeon HD 8000 e 7000. Há também suporte para APUs: todas as A4, A6, A8 e A10 com GPU Radeon HD 7000, além das E1, E2, A4, A6, A8 e A10 com GPUs HD 6000.

 

Jogos também precisam ser compatíveis?

O grande problema do DirectX 12 é a relativa falta de conteúdo. Os primeiros jogos a tirar proveito da tecnologia estão saindo agora, e por enquanto a lista de títulos compatíveis tem games como Star Wars Battlefront, Rise of the Tomb Raider e Deus Ex: Mankind Divided. 
Grandes lançamentos previstos para esse fim de ano, como Battlefield 1, Forza Horizon 3, Watch Dogs 2 e Star Citizen também serão compatíveis.


O DirectX 12 não funciona em versões anteriores do Windows. No Windows 10 o sistema operacional vem com o DirectX 12 instalado, não há necessidade de atualizar ou baixar nada. 
 

Veja também:

 

 Compartilhar
 Tweetar
0 Comentários

Comentários